Depende. Tem muita gente que saber desenhar muito bem e não consegue ganhar um centavo na internet. Ao passo que, muitos que não são tão completos no domínio da arte – mas são competentes desenhistas – acabam fazendo do desenho seu ofício e da internet sua oficina.

Qual a diferença entre esses dois tipos?

 

O que faz um desenhista ser bem sucedido no mundo dos negócios online e outro ter que voltar a procurar algum trabalho chato no qual ele tem que levantar cedo e ir em reuniões insuportáveis e aaahhh…

As diferenças são muitas na verdade. Mas, com certeza, a maior delas é que para ser desenhista na internet, não basta ser o melhor desenhista do mundo. você precisa conhecer algumas ferramentas na internet, conseguir cilentes e projetos para trabalhar, enfim, precisa organizar todo um processo para que o seu ofício de desenhista se suporte. É geralmente nessa organização – que nada tem a ver com seu talento enquanto artista – que muitos se perdem.

 

como ganhar dinheiro desenhando

Ganhar dinheiro desenhando é mais simples e divertido do que parece!

 

O que fazer para ser desenhista na internet e ter sucesso?

Assim sendo, para ajudar o pessoal a se organizar, fiz uma pequena lista de coisas que vão ajudar você, meu amigo desenhista a conseguir ter uma visão um pouco mais empreendedora do seu talento.

 

1 – Conhecer bem internet e algumas ferramentas online

Isso é essencial. Pense assim: se você trabalhar pela internet, “recebe” clientes em um espaço virtual, como um site, e deve apresentar seu trabalho de uma forma virtual, como um portfolio em alguma página da internet. Se você não vai investir milhares de reais com um webdesigner, é importante conhecer algumas ferramentas que podem te ajudar a montar seu ambiente virtual de maneira mais atraente e elegante. A ideia aqui não é me aprofundar em nenhuma delas no momento, mas plataformas como Flickr, Instagram e Pinterest, por exemplo, são ótimas redes sociais – todas com acesso gratuito – para divulgar trabalhos artístico-visuais. Conhecer seus recursos, suas minúcias é uma boa vantagem para qualquer pessoa com pretensão de ser um desenhista profissional na rede.

 

 

2 – encontrar clientes e negociar

Você vai precisar saber direitinho o valor do seu trabalho para negociar preço. Exatamente. Não sei se é o seu caso, mas muitos que conversam comigo acabam se pegando numa disputa interna no sentido de “o desenho pra mim é uma arte, isso não tem preço mimimi”. Se você pensa assim, salve nosso tempo e vá ler outra coisa. Desenhar é uma arte sim, mas como todas as outras virou um negócio e se misturou em diversas camadas da sociedade. Se você tem esse talento e quer trabalhar com isso, porque não?

E se você vai tocar sua carreira sozinho, você vai precisar se movimentar na direção dos seus clientes de alguma forma. Mais do que isso, vai ter que chegar até eles, conquistá-los. Se você não é do mercado publicitário, editorial e quer começar essa carreira do zero, sugiro que procure alguns sites de mercado freelancer (você encontra alguns aqui nesse outro artigo) e faça conta em alguns deles. Em sites como o Odesk.com, por exemplo, você além de encontrar uma enorme demanda por trabalhos gráficos, pode fazer testes para demonstrar seu conhecimento aos seus futuros clientes.

 

3 – Saber diversificar

deposit

 
Essa vai, principalmente, para os que estão começando a carreira. Entendam isso como um exercício interessante, um desafio. Procurem diversificar o tipo de desenho que fazem, o estilo, o próprio trabalho em si. Façam ilustrações, logos, diagramações com tipografia, desenhos vetorias, preto e branco, colorido, pós moderno, cubista, enfim, explorem as possibilidades. O mercado de marketing de conteúdo hoje em dia carece de profissionais – e desenhistas caberiam muito bem aqui – que possam desenvolver bons infográficos, por exemplo. Que tal explorar esse nicho de mercado e testar suas habilidades?

Existem ilustradores que ganham bastante dinheiro, por exemplo, criando pacotes de pequenas ilustrações e vendendo-as em banco de imagens, por exemplo. Eles atendem o mercado de blogueiros que, como eu, nunca aprenderão a desenhar decentemente. Aí, supondo que eu quero uma ilustração mais bonita para o meu link de RSS, eu vou no site da DepositPhotos.com e posso acabar comprando um trabalho teu. Embora você ache que todo mundo pirateia essas coisas, esse mercado gira uma grana!

 

 

4 – Aperfeiçoar-se

Nunca pare de aprender. Para trabalhar na internet você precisa estar em constante reciclagem. Você não só vai precisar ficar sempre aprendendo mais sobre desenho, como vai precisar também conhecer mais sobre as necessidades do mercado que podem ser supridas por um desenhista. Por exemplo, os 3 maiores sites de freelancer do mundo – que dominam mais de 80% desse mercado na internet – estão todos em inglês. Muitos deles com ofertas para trabalhos no Brasil, inclusive, mas toda a interface e a comunicação é feita em inglês. Ou seja, se o desenhista tiver tempo de aprender uma segunda língua, pode considerar isso como um investimento na própria carreira! Aperfeiçoar-se em todos os aspectos!

 

5 – Ter um blog 

Essa é uma dica bem mais prática, mas que nunca é demais enfatizar. Se você vai trabalhar com desenho na net, você precisa se familiarizar com alguma plataforma de blog e com o processo de produção de conteúdo. O Tumblr.com é uma boa plataforma – gratuita – para blogs bonitos, elegantes e semi profissionais que pode servir muito bem para o seu primeiro contato com esse mundo. Se você já é familiarizado com blogs, quer investir um pouco e levar a coisa a outro nível, sugiro que se informe sobre a plataforma WordPress.org, toda disponível em português. Com ela você consegue montar um blog mais completo, sem as limitações das plataformas gratuitas. O wordpress.org, porém, requer que você contrate um serviço de hospedagem e compre um domínio para o teu site. 

Seja um gratuito ou um pago, o fato é que você desenhista precisa ter um blog para divulgar seu trabalho. E não pense que você vai montar esse blog, colocar meia dúzia de desenho teu ali e pronto. Não. Seu blog vai ser o teu canal de entretimento, o teu programa de televisão. É ali que você vai se vender da melhor maneira. Mas isso já é estratégia de conteúdo, que é assunto pra outro post…

 

Para concluir

Para ganhar dinheiro na internet desenhando é preciso ser mais que um bom desenhista. Você precisa ser um bom usuário de internet, curioso, que sabe quanto vale o seu trabalho e como negociá-lo. Você vai precisar se cobrar, se gerenciar e cuidar dos seus horários com disciplina, mas você vai trabalhar em casa, com mais tranquilidade e qualidade de vida. Existe uma demanda enorme por desenhistas, ilustradores, diagramadores, diretores de arte e outros tantos profissionais das artes visuais. 

 

 

Share This